O mistério Robsten foi revelado?

29/06/2010 18:33

Enquanto todos os paparazzes e jornalistas querem saber o mistério Robsten, vejam só o que o produtor dos filmes da Saga, Wyck Godfrey, respondeu à TIME!!!! Disse algo que pode mudar muita coisa. Aproveitem!!

Image and video hosting by TinyPic

Enquanto alguns produtores sonham em faturar alto em uma bonança certificada de sucesso de bilheteria, o produtor Wyck Godfrey bateu ganhou com dois: um pequeno filme chamado “Twilight” e sua continuação “New Moon”. Mais de $ 1 bilhão de dólares em bilheterias totais depois, Godfrey está de volta com a terceira parcela da saga de amor e vampiros, “Eclipse”, que estreia nesta quarta-feira. O zunzunzum continuará até o último livro da série de Stephenie Meyer, “Breaking Dawn”, que foi dividido em dois filmes, o primeiro previsto para Novembro de 2011. Godfrey falou com a TIME sobre lobisomens sem camisa e os efeitos no mundo real dos relacionamentos humano-vampiro.

Taylor Lautner descamisado na tela tornou-se uma piada nacional. Mas, ao invés de reduzir isso em “Eclipse”, você faz uma piada sobre isso.

Esses filmes têm que se zoar, se quiser. “New Moon” foi como um filme sério, deprimente, que as pessoas sentiram que tinham perdido um pouco do humor dos livros. Essa brincadeira passou a ser minha.

Todo mundo está falando sobre o que está acontecendo entre Robert Pattinson e Kristen Stewart. Isso é bom para os negócios?

Você quer a resposta honesta? Eu nem sequer pensei nisso dessa forma.

Essa não é a resposta honesta.

 

Realmente é. Sinceramente, não penso em termos de negócio. Isso não afeta o nosso o âmago dos nossos negócios de forma alguma. A única coisa que eu penso sobre isso é, oh meu Deus, espero que eles fiquem juntos. Porque poderia ser embaraçosa no set do filme seguinte se eles tivessem um enorme rompimento. É como, uau, eles têm que retratar a história de amor através de mais dois filmes. Deus, espero que fiquem juntos; por favor, fiquem juntos. Isso é o que afeta o meu dia-a-dia.

Mas você anda por bancas de jornal e isso é o sonho de um publicista: eles estão em todas as capas.

Eu não sinto mais isso aí fora. As pessoas continuam a noticiar isso? Se você olhar para as pessoas que têm uma vida pessoal estável, os tablóides se cansam deles. Acho que estamos caminhando para o lugar onde eles estão juntos e essa é a vida dele e que é melhor encontrar alguém novo para criar um drama.

“Breaking Dawn” é um livro para maiores. Será que vai ser transformado em filmes com censura para maiores?

Pessoalmente, acredito que não. Fundamentalmente, eu não acredito que o público da franquia é uma audiência de maiores.

Rachelle Lefevre, que interpreta Victoria nos dois primeiros filmes, teve de ser substituída em “Eclipse”. Você disse que era um conflito de agenda da parte dela. Perder um sucesso de bilheteria por problema de agenda? Como isso acontece?

Acho que p empresário dela lhe disse que estaria tudo bem e que ela poderia fazer os dois projetos, sem realmente entender as realidades da nossa programação. Estávamos presos em filmá-la nas duas primeiras semanas, e essas foram as semanas que ela não estava disponível. Essa foi uma dura lição. Como produtor você pode contornar conflitos de agenda quando não há tempo para conduzir, mas quando você descobre no último minuto, você não pode. E isso foi devastador para ela e para nós. Tanto quanto as pessoas gostam de relatar de forma diferente, ninguém gosta de substituir as pessoas em uma franquia. Você não quer balançar o barco.

Este é o terceiro filme da franquia, e é meio que a metade. Como você mantém o ritmo?

Você reza. Eu acho que a mudança de diretores é uma forma de mantê-lo visualmente emocionante. E estamos fazendo isso a partir de livros, por isso a narrativa flui e você não está atropelando. Você tem uma história que se destinava a ser contada.

Mas a oração ajuda?

A oração ajuda. Basta perguntar a minha mãe.

 

 

Fonte: TIME


 
Voltar

Pesquisar no site

© 2010 Todos os direitos reservados.