Entrevista com a diretora de “The Summer House” e Mais uma Imagem de Rob No Filme

10/07/2010 13:08

 

Image and video hosting by TinyPic

 

Fonte: MTV

Diretora Daisy Gili sobre seu curta metragem estrelando Robert Pattinson, ‘The Summer House’

imagebam.com O único projeto de Robert Pattinson que a maioria conhece de seus dias pré-”Twilight” é seu pequeno papel em “Harry Potter e o Cálice de Fogo”, como Cedrico Diggory, mas como sua popularidade tem crescido, mais de seus projetos anteriores estão ganhando grandes lançamentos. O mais recente é o curta metragem “The Summer House,” que foi filmado por uma semana no verão de 2006, mas está chegando aos festivais de cinema e ao iTunes esse ano.

Diretora estreante, Daisy Gili, disse que na verdade escalou Rob porque ele foi recomendado a ela por Campbell Mitchell, que tinha trabalhado com acessórios de cena para um outro de seus projetos anteriores, “The Haunted Airman.”

“Ele disse, esse cara é maravilhoso, e é muito legal, e acho que ele realmente estaria interessado em fazer um curta,” Gili disse ao MTV News. “Vi uma foto dele e pensei, ele é fantástico.”

Até aquele ponto, a co-estrela de Rob, Talulah Riley, era mais conhecida por seu trabalho em Orgulho e Preconceito, de Joe Wright, e ainda não tinha estrelado o grande sucesso “Pirate Radio” (conhecido como “The Boat That Rocked” no Reino Unido). Gili contratou um director de elenco para encntrar uma atriz para interpretar a protagonista do curta, Jane, e achou que Talulah se encaixava perfeitamente.

“Talulah foi maravilhosa. A coisa que achei mais maravilhosa em relação a ela foi sua versatilidade. Você poderia dar a ela qualquer pequena quantidade de direção, e ela iria fazer uma performance completamente diferente mas igualmente maravilhosa. Eu ficava, tipo, uau,” disse Gili.

Mas foi a química entre os dois que realmente ajudou o trabalho de filmagem. Com 13 minutos de duração, “The Summer House” segue Jane enquanto ela foge da França para ficar com sua tia depiis que seu namorado Richard (Rob) a troca por outra garota. Entretant, ele a segue até a casa de verão para tentar conquistá-la novamente e, na noite da chegada do homem à lua, tenta conseguir seu objetivo. O resultado de seus esforços ajudam Jane a perceber que – nas palavras de Gili – o amor não é preto e branco.

Era necessário para Gili que o filme se passasse na noite da chegada à lua porque ela sentia que todos se lembram onde eles estavam na noite em que o homem chegou à lua, mas a noite foi importante para Jane porque ela percebeu que o amor era diferente e mais complicado do que ela sempre havia imaginado. “Acho que precisava [de algo tão monumental como] a chegada à lua para meio que ajudar a fazer com que o mais sutil da história se tornasse mais forte,” disse ela.

Gili sentiu que o personagem Richard foi um esforço para Rob, porque ele teve que interpreter alguém tão diferente de si mesmo. “Ele é uma pessoa tão gentil. Ele é uma pessoa muito legal. E ele tem que interpretar um personagem não muito legal, e acho que ele teve dificuldades com isso,” Gili disse. “Ele não estava interpretando um personagem com o qual ele estava particularmente confortável, mas ainda assim ele cnseguiu ter uma presença real: máscula, levemente tendenciosa. Você nuncaa etá certo o bastante se ele a quer porque quer fazer sexo com ela ou porque a ama. E acho que ele passa isso brilhantemente.”

Depois de assistirmos ao curta, temos que concordar com ela em relação à performance de Rob. E os fãs de “Twilight” verão um pouco do que Edward Cullen poderia se tornar no retrato de Richard feito por Rob. Mas, além da grande atuação, o cenário e figurino foram nossas partes favoritas do filme. O curta é baseado num conto de mesmo nome, e Gili disse que eles puderam graver o filme de grace na casa de verão que inspirou a história.

Os vetidos também são vintage dos anos 60 porque Gili os pegou emprestados de sua mãe, embora o belíssimo vestido verde que Talulah usa no final foi uma criação do seu designer de figurino. As pergolas que ela usa no final do filme foram emprestadas pela atriz francesa Marianne Borgo, que interpreta sua tia no filme, assim como Jane teria pegado emprestado de sua tia no filme.

“The Summer House” teve sua estreia no Festival de Cinema de Toronto, mais cedo esse ano, e sera oferecido por $1.99 no iTunes começando em 13 de julho no Short Festival. Em seguida, será exibido no Rushes Soho Short Film Festival mais tarde nesse mês. Mas para qualquer um esperando para conseguir ver Rob promovendo o curta, Gili disse que acredita que as chances são pequenas. Muitas coisas mudaram na vida de Robert Pattinson desde sua performance como Richard, e agora é muito mais difícil conseguir contato com ele. Na verdade, Gili não sabe nem se ele já vi o filme, ebmora ela saiba que muitos de seus fãs querem.

“Uma enorme variedade de pessoas está interessada, e eu espero que gostem do que vão ver. Espero que não se desapontem por não ter mais dele, se entende o que eu quero dizer,” ela disse. “E eu espero que ele goste também! Não ouvi nada dele sobre isso. Acho que o agente dele viu.”



 

Fonte: MTV

Voltar

Pesquisar no site

© 2010 Todos os direitos reservados.