Entrevista de Kristen para 1Live Alemâ

17/07/2010 22:51

 

Image and video hosting by TinyPic

Ela é atualmente um dos ídolos teen mais quentes do mundo. Onde quer que ela esteja, seus fãs estão gritando. Kristen Stewart acabou de fazer 20 anos e é uma estrela internacional desde que as pessoas a viram pela primeira vez como Bella Swan no filme “Twilight”.

 

A segunda parte da saga, “New Moon”, foi um sucesso ainda maior e, agora, “Eclipse”, o terceiro. Em sua turnê promocional na Europa, o repórter Tom Westerholt do 1LIVE encontrou Kristen Stewart em Berlim para falar com ela sobre o novo filme de “Twilight” e sua vida agitada. Bem-humorada, a jovem vestia jeans, camisa branca e tênis, com o cabelo um pouco desgrenhado e uma pouca maquiagem agradável em seu rosto.

Kristen, uma vez que você esteja nos filmes “Twilight”, você se torna uma das superstars. Mas você está atuando há anos, por exemplo, em 2002 você fez “Panic Room”, como a filha pequena de Jodie Foster. Como foi isso, sendo que ela foi a única estrela do filme?
Eu estava muito feliz por minha primeira experiência ser com ela… para me tornar uma atriz… estar associada a ela. Ela tratava a todos no set muito bem. Nem todo mundo faz isso. Ela só faz o que ama. Ela é absolutamente um papel modelo, e eu disse isso na época: eu quero fazer isso do mesmo jeito.

Quando você tinha doze anos, quem eram os heróis que você idolatrava como milhões a idolatram hoje?
Para ser honesta eu nunca idolatrei alguém, eu nunca fui assim. Tenho três irmãos. Nós praticamos um monte de esportes e outras coisas, saimos com o pessoal. E tocava bateria quando eu era mais nova… então eu nunca tive nenhum ídolo. Eu choro em shows, se ele for ótimo. Uma vez eu chorei muito em um show do Van Morrison. Isso foi um tipo de obsessão.

 

Os fãs estão obcecados por você, não importa onde você apareça, que também é especialmente o caso de Robert (Pattinson, que interpreta seu namorado, o vampiro Edward Cullen). Como você percebe quando fica muito grave?
Nunca é muito grave. Não, realmente não. Mais em momentos específicos, quando estou no palco na frente daquela incrível multidão e essa energia me derruba. Isso me pega e eu não posso esconder isso. Parece que eu quero ir embora rápido, mas a verdade não é assim em tudo. Eu estava sobrecarregada com a situação, mas eu realmente me diverti.

Como no MTV Movie Awards? Robert e você precisavam voltar ao palco toda hora, vocês ganharam todos os prêmios disponíveis no dia.
Você se sente meio estranho. Quer dizer, este é um prêmio escolhido por fãs e todos os fãs devem ter votado para que nós ganhassemos todos os prêmios. Mas são os livros que eles realmente amam. É claro que é bom ver que eles gostam da nossa interpretação no filme, mas eu ainda acho que isso não tem nada a ver comigo. É a personagem Bella, então eu não me vejo como um modelo ou algo assim.

A propósito: O que acontece com aqueles que não gostam dos filmes? Eles são anti-fãs quase tão apaixonados como os fãs. Como você se sente em relação a isso?
Por um lado, como já disse, o fato deles não gostarem de nossa interpretação. Estes são os fãs dos livros que têm suas próprias imagens na cabeça. Mesmo que nós atores, os diretores tenham isso no set. Somos e sempre estaremos concordando com tudo. Você simplesmente não pode. E depois há também as pessoas que são contra tudo o que uma massa de pessoas gostam muito.

Um exemplo?
Fomos ao Jimmy Kimmel recentemente. Tinham muitos fãs loucos e Jimmy começou a falar de Justin Bieber, que também tem tantos fãs loucos quanto nós. Então Jimmy falou que Justin Bieber deveria estar no próximo filme de Twilight e as pessoas gritaram assustadas: “Não!” Por causa disso você pode ver que os fãs são diferentes. As pessoas podem ficar muito assustadoras e agressivas.

Quem te mantém no chão quando os fãs tem essa loucura furiosa ao seu redor?
A minha família. Eu tenho uma família ótima e meus pais estão na indústria e conhecem todos os perigos e armadilhas que você pode encontrar. Eu tenho sorte. Antes de eu perder o chão, como você diz, eles me agarram muito rapidamente. Mas não é só pela experiência deles, eles são ótimas pessoas. E se você ama o que faz, então é melhor não começar a enlouquecer. Porque se você fizer isso, no final você pode perder tudo.

Isso soa muito atencioso e como uma função de papel modelo…
Oh, você sabe… a verdade é que os fãs não estão realmente olhando para mim, eles estão olhando para Bella. E isso é bom, porque Bella é definitivamente alguém que você pode olhar, eu sou outra pessoa. Quando isso é realmente sobre mim, eu digo: “Tudo bem, é a sua opinião” Eu sou apenas uma jovem e quero fazer filmes. Eu não tenho absolutamente nenhum desejo de usar o meu status como uma celebridade pra nada. Eu quero fazer filmes, e isso significa que eu tenho que lidar com a fama.

Não deve ser fácil encontrar caras né? Quer dizer, seus três irmãos te ajudam a lidar com os caras?
Bem, um relacionamento com seu irmão é diferente do relacionamento com alguém por quem você está interessado. Quando você entra nessa idade, o relacionamento com seus irmãos muda de uma maneira diferente, é bem interessante. Quando éramos pequenos, eu me sentia de alguma forma como se todos os quatro fossemos iguais. E depois, quando entrei em uma certa idade, eu tive que fazer alguns claros anuncios. De acordo com o lema: Você não pode me tratar assim, porque eu sou uma menina!

Bem, você definitivamente teve que crescer e ter muitas experiências na frente das câmeras: Incluindo beijar.
Qual é o próximo?

Você teve – pelo menos para uma cena – fazer isso várias vezes com Robert Pattinson e em seu novo filme “The Runaways” você teve que fazer com a sua co-star, Dakota Fanning. Quem beija melhor?
(Sorrindo largamente e hesitando com a resposta): Yeahhhh… Quem beija melhor? Dakota, é claro! (Risos). Não, é claro que é o Robert. Não, mas a Dakota… Uhhmm, eu não consigo decidir…

Fonte : Kristen Defenders

Voltar

Pesquisar no site

© 2010 Todos os direitos reservados.