Anna Kendrick Fala Sobre ‘Scott Pilgrim vs. the World’

12/08/2010 15:36

 

Image and video hosting by TinyPicAnna Kendrick parecia que estava descansando entre as entrevistas em um quarto de hotel no centro de Chicago, na segunda feira, mas a atriz de 25 anos, que ganhou uma indicação ao Oscar por seu papel em Up in the Air, ao contrário, estava deitada no sofá por uma razão diferente.

“Meu herói acabou de me mandar uma mensagem de ‘Feliz Aniversário,’ ” disse Kendrick, quase desmaiando.

Kendrick, que negou dizer o nome da pessoa que mandou a mensagem, colocou seu telefone de lado e se sentou para a entrevista. Isso deixou espaço no sofá para seu colega de elenco em Scott Pilgrim vs. the World, Jason Schwartzman — não que ele precisasse.

Schwartzman optou por se ajoelhar no chão e deitar na mesa de café. Isso se encaixa na sua personalidade ‘observadora,’ assim como seu bigode ao estilo de “Magnum, P.I.”

“Eu preciso ir ao Lollapalooza (Domingo),” disse Schwartzman, de 30 anos. “… eu ouvi que todas as bandas ficam em um hotel e saem pelo lobby juntos, e vão ver os shows uns dos outros. Isso me deixa feliz. É como se o filme dos Ursinhos Carinhosos fossem os Ursinhos Carinhosos mais os primos deles juntando forças para lidar com o mago malvado no acampamento de verão.”

Sim, esse é o mesmo cara que interpreta o vilão principal em Scott Pilgrim, a adaptação da história em quadrinhos que vai aos cinemas na Sexta Feria. Mas o personagem de Schwartzman, o magnata da música Gideon Gordon Gravas, não é o estereótipo dos vilões de filmes. Graves se mostra legal e charmoso às vezes, mesmo que ele esteja provávelmente fingindo.

 

“Eu tentei encontrar equilíbrio entre alguém que seria o cara mau no final, e ao mesmo tempo não deixá-l0 publicamente prvisível,” ele disse. “Ele é passivamente agressivo e contra ameaças claras. Ele não vê Scott (Michael Cera) como um oponente de verdade. Ele o enxerga como um garotinho doce.”

Para ganhar o coração de Ramona Flowers (Mary Elizabeth Winstead), Pilgrim deve derrotar seus sete ex-namorados malvados, incluindo Graves. Pelo caminho, ele recebe um alerta de sua irmã fofoqueira, Stacey, interpretada por Kendrick. Pediram para ela fazer a audição para o papel depois que o diretor Edgar Wright (Shaun of the Dead, Hot Fuzz) a viu em Rocket Science, de 2007.

Diferente de alguns de seus colegas de elenco, Kendrick não teve que balançar uma espada ou lançar nenhum soco voador para o seu papel — e isso estava perfeitamente ok para a atriz de Twilight.

“Eles trabalharam tão duro nesses equipamentos (para as cenas de lutas), ” disse Kendrick à respeito de seus colegas. “Eu não tive nada além de respeito pelo que eles fizeram. Mas eu fiquei muito feliz de ficar lá sentada em uma cadeira confortável ao invés de presa à uma armadura rodando por aí.”

“Haviam muitas armaduras por lá, parecia que estávamos em um episódio de Real Sex, da HBO,” disse Schwartzman.

As sequências de luta foram exaustivas e potencialmente perigosas, de acordo com Schwartzman, mas ele e Cera ainda conseguiam dar umas risadas entre as tomadas. Schwartzman, conhecido por seus papéis em Rushmore, Fantastic Mr. Fox e Bored to Death, da HBO, ficou pensando sobre como nenhum de seus amigos do colegial acreditariam que ele um dia acabaria em uma cena de luta tão elaborada.

Ele nunca esteve em uma luta, nem perto de uma, ainda que ele tenha levado um empurrão em um Guitar Center de Los Angeles.

“Eu abri a porta para alguém e então colidi com um cara que estava olhando as coisas da RockWalk,” disse Schwartzman, se levantando para reencenar o incidente. “Eu disse, ‘me desculpe,’ e então o cara me empurrou muito forte com o cotovelo. Ele me deu um empurrão pro lado, ele deveria estar com uma baqueta enfiada no seu…”

Scott Pilgrim acontece em Toronto e foi filmado na cidade canadense no ano passado. Para Kendrick, esse foi um dos quatro filmes que ela filmou no Canadá, junto com os filmes de Twilight (New Moon e Eclipse foram filmados em Vancouver) e a comédia romântica Live With It, com Joseph Gordon-Levitt e Seth Rogen.

Ela se sente como uma Canadense honorária à esse ponto, exceto quando ela está andando pela alfândega.

“Quando você é ator, eles te perguntam o que você fez,” disse Kendrick. “Eu sempre pego a pessoa que nunca ouviu falar de Twilight. Eu disse à eles o que eu estava fazendo lá e eles disseram, ‘Isso não é verdade — quem chamaria um filme de Scott Pilgrim?’ “

“Uma vez um cara procurou o filme no imdb.com e não acreditou em mim até que viu o nome do Michael Cera. ‘Oh, é o garoto de Superbad.’ E então ele me deixou entrar.”

Fonte: Leisureblogs

Voltar

Pesquisar no site

© 2010 Todos os direitos reservados.